A importância do conforto térmico na construção civil

Entenda o que é conforto térmico, sua importância para a construção civil e veja exemplos de inovações e tecnologias.

Imagem: Gerd Altmann por Pixabay 

 

Assine a newsletter
da Universidade Trisul

 

As pessoas passam, praticamente, todo o dia (e a noite) dentro de construções, não é mesmo?! Por isso, é necessário que estes ambientes proporcionem conforto para os seus usuários e moradores. No caso do Brasil, onde as condições climáticas podem mudar de maneira abrupta ao longo do mesmo dia, pensar em soluções que ofereçam conforto térmico torna-se extremamente relevante. 

 

Por isso, no post de hoje vamos entender o que é conforto térmico, sua importância para a construção civil e ver exemplos de inovações e tecnologias.

 

Afinal, o que é conforto térmico?

O termo conforto térmico pode ser definido, de maneira ampla, como a satisfação mental em relação à temperatura propiciada por um ambiente. Desta forma, as pessoas que estão no respectivo ambiente que oferece equilíbrio entre as temperaturas frias e quentes sentem-se confortáveis. Assim, o conforto térmico é entendido como um conceito muito subjetivo. 

 

Já de acordo com a ISO 7730, “conforto térmico é o estado da mente que expressa satisfação com o ambiente térmico”. Ou seja, independentemente das preferências pessoais, ela não relata sentir nem frio nem calor.

 

As sensações de incômodo pela temperatura são causadas por uma série de fatores, tais como (fonte: 3tc):

  • fisiológicos, os quais representam as reações normais do nosso corpo aos estímulos;
  • físicos, como a umidade e a circulação de ar;
  • psicossociais, que sofre influência das nossas emoções e da nossa cultura.

 

Qual é a importância do conforto térmico?

De acordo com o Portal Ca-2, muitas pesquisas apontam que as pessoas passam cerca de 90% do tempo em ambientes construídos (fonte: Labeee).  Desta forma, o conforto térmico afeta o modo como os indivíduos se relacionam com o ambiente e o seu desempenho nas atividades diárias. Estar em conforto térmico significa ter condições adequadas e bem-estar físico e mental para executar ações intelectuais ou manuais.

 

Assim, estabelecer conforto térmico por meio de escolhas projetuais aumenta a eficiência energética da edificação e reduz gastos desnecessários ou excessivos com aparelhos de refrigeração ou aquecimento.

 

O Portal Regional Telhas explica que, nas construções residenciais, muitas vezes é necessário adotar medidas para sentir mais conforto. Por exemplo, durante o verão, o uso do ar-condicionado está cada vez mais recorrente, aumentando o consumo de energia. E, durante este ano de 2021, isso tornou-se ainda mais crítico, tanto em termos ambientais quanto de valor pago na conta da energia elétrica. 

 

Além disso, por outro lado, é comum no inverno as pessoas usarem casacos mesmo dentro de casa ou ligarem os aquecedores para deixar o ambiente mais confortável.

 

Por isso, residências ou escritórios que utilizam estratégias para atingir o conforto térmico apresentam uma maior eficiência energética. Isso acontece porque, em locais em que o conforto térmico é atingido por meio de estratégias passivas, como ventilação natural e escolha correta das coberturas, utiliza-se menos energia com sistemas de ar-condicionado (fonte: Portal Regional Telhas).

 

Conforto térmico: algumas soluções

Vamos conhecer algumas soluções que podem ser adotadas na construção civil que oferecem mais conforto térmico para os seus usuários. 

 

Drywall

O gesso é um material que, geralmente, oferece conforto térmico para os ambientes. O drywall contém gesso em sua composição e é uma solução simples para reduzir o desconforto térmico, tanto em ambientes residenciais quanto corporativos. 

 

Além do benefício em relação ao conforto térmico, o drywall também contribui para o conforto acústico dos respectivos ambientes. 

 

Além disso, a Associação Brasileira de Drywall reforça que, por suas características, as paredes drywall (como também os forros e revestimentos com essa tecnologia) são ambientalmente amigáveis, pois todos os seus componentes são 100% recicláveis e que, com o projeto correto, atende às especificações estipuladas pela NBR 15.575. 

 

Lajes, telhados e coberturas

Por ser uma estrutura plana, as lajes permitem a aplicação de diversas soluções que contribuem para um maior conforto térmico como, por exemplo, as coberturas verdes. Além disso, os materiais necessários para proteção da estrutura impactam positivamente em outros aspectos, como na melhoria do desempenho acústico da edificação.

 

Uma outra ação que tem proporcionado uma melhor eficiência térmica é a cobertura da superfície do telhado com lã de rocha ou EPS, por exemplo. Assim, quanto mais espessa for essa superfície, maior será a capacidade de isolamento térmico. 

 

Ventilação

Desenvolver projetos que valorizem a ventilação natural para aqueles locais onde é possível explorar, de maneira inteligente essa ventilação, ajuda a evitar sistemas artificiais. 

 

Para essas situações, a ventilação cruzada, a ventilação natural induzida e o resfriamento evaporativo podem ser boas alternativas que proporcionam maior conforto térmico. 

 

Brises

Ainda de acordo com o Portal Regional Telhas, brise é um diminutivo para o nome de brise-soleil, palavra de origem francesa que significa quebra-sol. 

 

Desta forma, os brises consistem em grandes placas utilizadas nas fachadas das construções. Elas podem ser dispostas nas posições vertical ou horizontal. Sua grande utilidade é impedir a incidência direta dos raios solares no interior da edificação. E suas principais vantagens são:

  • privacidade para os seus moradores e usuários, pois a luminosidade maior do lado de fora faz com que o ambiente interno não seja claramente visto por quem está na parte externa; 
  • conforto térmico, pois ao passo que os raios solares não incidem diretamente, o espaço entre uma brisa e outra permite a circulação de correntes de ar.

 

Gostou de saber mais sobre a importância do conforto térmico na construção civil? E que tal você continuar se atualizando sobre temas relacionados com a construção civil e a sustentabilidade? Outros posts que podem te interessar:


Continue acompanhando os nossos posts aqui na Universidade Trisul.