Estrutura

Estrutura é a parte resistente da construção e tem a função de resistir as ações e as transmitir para o solo. Em edifícios, os elementos estruturais principais são: lajes, vigas, pilares e fundação.

As lajes são placas que, alem das cargas permanentes, recebem as ações de uso e as transmitem para os apoios; travam os pilares e distribuem as ações horizontais entre os elementos de contraventamento.

As vigas são barras horizontais que delimitam as lajes, suportam paredes e recebem ações das lajes ou de outras vigas e as transmitem para os apoios.

Os pilares são barras verticais que recebem as ações das vigas, das lajes e dos andares superiores e as transmitem para os elementos inferiores ou para a fundação.

A fundação consiste, em elementos como blocos, sapatas, radiers, baldrames, vigas alavancas, etc que transferem os esforços para o solo.

Os pilares alinhados ligados por viga formam os pórticos, que devem resistir às ações do vento e às outras ações que atuam no edifício, sendo o mais utilizado elemento de contraventamento.

Em edifícios esbeltos, o travamento também pode ser feito por pórticos treliçados, paredes estruturais ou núcleos. Os dois primeiros situam-se, em geral, nas extremidades do edifício. Os núcleos costumam envolver a escada ou a caixa de elevadores.

Nos edifícios com lajes sem vigas, as mesmas se apoiam diretamente nos pilares, sendo denominadas lajes lisas. Se nas ligações das lajes com os pilares houver capitéis, elas recebem o nome de lajes-cogumelo.

Nas lajes lisas, há casos em que, nos alinhamentos dos pilares, uma determinada faixa é considerada como viga, sendo projetada como tal – são as denominadas vigas-faixa.

São muito comuns também o uso das lajes nervuradas. Se as nervuras e as vigas que as suportam têm a mesma altura, o uso de um forro de gesso, poe exemplo, dão a elas a aparência de lajes lisas. Nesses casos elas são denominadas lajes lisas nervuradas. Nessas lajes, também são comuns as vigas-faixa e os capitéis embutidos.

Nos edifícios, são considerados elementos estruturais complementares as escadas, caixas d’ água, muro de arrimo, consolos, marquises etc.

Colaboração: Eng. Sérgio de Faria Linardi / MONTEIRO LINARDI ENGENHEIROS ASSOCIADOS*

Saiba mais em: ContençõesEscavação, Fundações, Alvenaria, Instalações elétricas, Instalações hidráulicas, Impermeabilização, AcabamentosRevestimento externo, Entrega final e Entrevistas com Especialista.